Hoje foi o Dia de renovar a minha mini horta

IMG_1182Às vezes, quando eu estava meio doente, ou simplesmente não conseguia dormir, a mesma cena se repetia. Minha mãe dizia: “Vou fazer um chazinho e você vai ver como o sono vem logo. Ela ia até o quintal, pegava umas folhinhas de erva cidreira e voltava pra cozinha arrastando o chinelinho.

Na chaleira de alumínio bem velinha, e um tanto amassada, dona Iracema fazia o chá e logo voltava, assoprando a caneca. “Toma filha, toma que o sono vem e cuidado que está bem quente”. Essa é uma lembrança gostosa da minha infância. O chazinho da mãe, feito com a folhinha colhida do vaso.

Cresci, peguei gosto pela cozinha e me apaixonei pelas ervas e temperos frescos. Não abro mão de um belo maço bem verdinho na hora de cozinhar. Salsa, manjericão, tomilho, dill, salvia, orégano, alecrim., hortelã, menta… Ah, como viver sem essas preciosidades ?

Já faz tempo que comecei a ter um pequeno jardim de ervas em minha casa. Como não tenho grandes espaços, o jeito é aproveitar as janelas e parapeitos para plantar meus vasinhos. E dá muito certo, eu sempre tenho ervas frescas e, mesmo que minhas plantinhas não durem muito, acho bem mais inteligente pois eu jogava muitas ervas fora e detesto desperdício.

Seu também que existem várias técnicas pra fazer as ervas durar por mais tempo. Congelar em forminhas de gelo, guardar em potes de vidros hermeticamente fechados, enfim, também uso todas, mas nada se compara a colher aquele manjericão fresquinho pra finalizar seu prato de massa.

E é assim que tenho feito nos últimos anos. Tenho minha mini horta na janela da lavanderia e vou colhendo as ervas de acordo com a necessidade,. Tiro apenas o que vou usar e o resto fica lá vivinho, com as folhinhas balançando na minha janela.

IMG_1218Recentemente viajei em férias e a casa ficou fechada. Como não tinha ninguém disposto a cuidar dos vasinhos, antes da viagem tratei de consumir todas as minhas ervas aromáticas. Algumas delas, como hortelã e menta, eu sequei e guardei em potinhos e uso pra fazer chá. Mas a janela que abriga minha mini horta ficou sem vida. Passei duas semanas olhando com tristeza para aqueles vasos vazios, pendurados na janela e ansiosos pela chegada de novas moradoras.

Eu só estava esperando um sábado livre pra cuidar desse assunto. Não gosto de comprar vasos em supermercados ou lugares que não se preocupam com a procedência das ervas vendidas. Afinal, de que adianta ter ervas frescas, e cheias de agrotóxicos ou inseticidas?

Neste sábado acordei pronta pra repaginar a horta de casa. Há tempos eu queria voltar ao Sabor de Fazenda. É uma lugar incrível! Você vai andando em meio as fábricas, edifícioIMG_1191s e transportadoras da Vila Maria, na zona norte de São Paulo, e de repente encontra um oásis no meio da cidade cinza. Um viveiro orgânico no meio da cidade.

Comprei mudas novas, terra, adubo, argila, areia, tudo que se precisa pra plantar direitinho e deixar os vasos saudáveis. Ah, comprei também um lindo um pé de lichia, que foi adotado pelo Vitor e pela Patrícia (meu filho e minha nora).
Com a ajuda do Silvio, um rapaz super gente boa que trabalha no viveiro, algumas das minhas jardineiras já vieram prontas, replantadas por quem entende do assunto.

Minha casa agora está com outro astral, além de várias ervas, comprei ainda duas jardineiras com capuchinhas e amor perfeito. Espero que em breve eu tenha as minhas próprias flores comestíveis.

IMG_1231Agora é cuidar bem das plantinhas e esperar o tempo passar. Logo mais volto a colher ervas frescas para dar aquele toque especial aos meus pratos.

O Sabor de Fazenda Ervas e Temperos é fruto do idealismo de duas irmãs que utilizam sua propriedade de 1.500 m², no meio da zona industrial, para cultivar mais de cem tipos de ervas e temperos, tudo com certificação do selo ECOCERT, que garante a qualidade e autenticidade de produção orgânica de suas mudas. E os preços são bem honestos.

Além de vender mudas de Ervas, temperos orgânicos, frutas e flores, durante todo o ano eles realizam cursos e oficinas sobre agricultura urbana, qualidade de vida, educação ambiental, jardinagem e Paisagismo. Tem ainda o Projeto Dedinho Verde , que ensina jardinagem e educação ambiental para crianças. Vale conhecer!

Sabor de Fazenda
Av. Nadir Dias de Figueiredo, 395 – Vila Maria – SP – Tel.: 11- 2631-4915
http://www.sabordefazenda.com.br/

Este slideshow necessita de JavaScript.

Comments

comments